quarta-feira, fevereiro 22, 2006

Muda de vida :)

Tenho dois amigos numa situação muito semelhante. Ambos começaram a perceber que o local onde trabalhavam lhes fazia mal. Ambos com patrões insensíveis, completamente ignorantes no conceito de gestão de uma empresa (quando pessoas sem formação - e não falo só de formação académica, falo de valores - assumem a liderança caem no erro de pensar que para o sucesso da empresa basta compreender o números. Como se eles surgissem por acaso, como se os números não fossem resultado do trabalho de PESSOAS).
Os problemas de trabalho começaram a tornar-se problemas pessoais. É impossível sair do trabalho e esquecer o que lá se passa. Acho que acontece com toda a gente. Sobretudo quando as nossas qualidades como profissionais são postas em causa por pessoas que, diga-se de passagem, nestes dois casos, não têm qualquer legitimidade para o fazer.
E pronto. Duas pessoas tristes com o rumo da sua vida profissional que começaram a perceber que a motivação para fazer o trabalho de que gostavam começava a desaparecer.
Também acho que acontece com toda a gente, nestas situações, ter medo de arriscar, de mandar tudo ao ar. Vivemos todos acomodados. Queremos um emprego estável - e nos dias de hoje isso é coisa rara - e lá vamos aguentando um patrão incompetente que nos faz a vida negra.

É por isto mesmo que admiro muito estas duas pessoas. Mesmo com medo de arriscar, decidiram os dois que mereciam melhor. Um deles já bateu com a porta, o outro (outra, neste caso) vai fazê-lo em breve. Acho que é uma lição...

3 comentários:

Jordan disse...

Sabes que há bocado, quando li este post, deu-me imensa vontade de rir... Coincidências da vida, não? Mesmo não sendo para mim, identifiquei-me...
Aquilo que escreveste no meu blog não é totalmente mentira. Aliás, comunico-te em primeira mão que já ando a tratar disso!

Mukkinha disse...

Acho muito bem... Fico feliz por saber que estás aberta a mudanças :)

Incógnito disse...

Pois é, bébé! A corda vai esticando, esticando e, um dia, de repente, rebenta! Para trás fica a tortura em lume brando... e pela frente, todas as oportunidades do mundo! há que saber é procurar e insistir. E nunca, nunca, esmorecer!