segunda-feira, outubro 26, 2009

O lado negro da força

Quando entrei na faculdade fui logo informada da rivalidade. Jornalismo e Comunicação empresarial não se davam. Era assim e pronto. Nada de questões.

Não lido bem com imposições e muito menos de silêncio e conformidade...

A verdade é que durante o curso não fiz nada nem para contribuir nem desvanecer a dita rivalidade. Era coisa que não me interessava.

Quando comecei a trabalhar depressa notei que muitas vezes a relação entre jornalistas e RPs e assessores era, por vezes, mantida em clima de absoluta necessidade mútua. Nada mais. Senti muitas vezes algum mau-estar, um clima estranho e constrangedor, quando tinha que me relacionar com RPs e assessores... E mais uma vez, não percebia porquê!

Bem sei que os assessores de comunicação não encaram com bons olhos a intromissão de muitos jornalistas na sua profissão. Mas sejamos sinceros... Que porcaria de trabalho se vê na assessoria de comunicação!!! Press-releases escritos em código, tantas vezes com referências temporais mas sem data... sem o mínimo de noção das necessidades de um texto jornalístico. Eventos para os quais equipas de reportagem de televisão são convidadas sem perceber que a cobertura será necessariamente diferente - e com necessidades diferentes - da feita por uma equipa de imprensa escrita!

Um jornalista que passa para o lado negro da força será, quase sempre, um bom assessor. Porque esteve do outro lado. Sabe do que precisa o jornalista. Sabe o que deve ser feito para que a informação passe.

Acontece-me, VEZES SEM CONTA, enviar e-mails, fazer telefonemas e deixar recados e não obter resposta. Que merda de gabinetes de comunicação e relações públicas são estes??? Quando a resposta é negativa, óptimo! Mas responda-se: Não estamos interessados nesse trabalho. Que porra de gabinetes de comunicação são estes que não comunicam???

3 comentários:

Sereia* disse...

(com sotaque latino...)

Ai Caramba!!!

E, no entanto, eram todos os meninos lindos da ESCS! O curso mais lindo e mais perfeito...

(que deus só inventou ao 27º dia, para lixar a cabeça de outros que estavam no bar em vez aprender as teorias do Jornalismo TODAS!)

Elisangela Parra disse...

Adorei seu blog, adoro a sinceridade nas pessoas!
Visite meu blog e se torne minha seguidora. Eu já me tornei seguidora e fã do seu!
Deixe lá seu comentário ok.
http://elisparra.blogspot.com/
Valeuuu!!

sardao disse...

Olá Mukkinha
Espero que esteja tudo bem contigo.
Eu estou em Angol.
Gostave de ter o teu contacto.
Dá noticias.

ruyamaro@gmail.com

beijinhos

Ruy Amaro